Tudo o que é bom, dura pouco…Hora de começar a voltar

Esse Brasil é
realmente lindo, por mim tentaria descobrir cada canto, cada detalhe
… mas como só tinha um mês de férias, tinha que começar a
voltar né =/ , mas sinceramente preciso descobrir alguma forma de
ganhar dinheiro viajando, Guia 4 Rodas o/ acha eu aquiiii o/ o/, pra onde
mando currículo? 😛

Bem, pra fechar essa
aventura com chave de ouro, ainda teria mais algumas oportunidades,
passaria ainda pela Chapada Diamantina e depois por Brasília, para
participar do MotoCapital.
Voltei pra Maceió no
sábado, pois felizmente para o retorno teria a companhia do Heberte
e da Nástia, já que também iriam pra Brasília, então nos
juntamos na viagem. Saímos de Maceió no domingo de manhã, nosso
objetivo era chegar em Itaberaba BA, assim evitaríamos Feira de
Santana BA em dia de semana, já que o trânsito na BR 116 costuma
ser muito ruim.
Como sempre … a minha
carreta o/

Ahh só pra ficar o
registro, desde Sergipe tinha rodado mais 649 km, é que nesse
momento zerei novamente o marcador.

Para também fugir um
pouco dos problemas da BR 101, optamos por chegar em Sergipe pela
Balsa, passando por Penedo AL, assim economizamos um bom tempo, mas
muito cuidado no trajeto Maceió – Penedo, depois da praia do Gunga o
asfalto ficou bem complicado, por causa das chuvas tinha muito
buraco, e um maior que o outro, passar por alí, principalmente a
noite não é boa ideia.
Tão divertido andar de
balsa 😀 passeio super tranquilo e rápido, eu ainda estava tirando
foto e o trajeto já estava terminando =/

Achei Penedo uma cidade
linda, cheia de prédios antigos … uma pena que não pude ficar
mais tempo, mas já está na lista para a próxima oportunidade 😉

Casal 20 cheio de
estilo né rsrs *-*

 Chegando do outro lado
do São Francisco, pegamos o caminho rumo a Aracajú, e embora por
boa parte do caminho a estrada estadual estava em boas condições,
logo caímos na BR 101 e começou a enrolação dos desvios … mas
estava relativamente tranquilo, rodamos bem e paramos pra almoçar em
Estância SE.

Nesse restaurante
aconteceu algo engraçado, o cantor perguntou pro Heberte o nome da
filha dele, e ele falou “Morgana”, e o cara dedicou a música pra
ela… achando que era eu kkkk dá pra acreditar que já estava
passando por filha? Eu hein kkkk que moral !!! Mas depois corrigiu
meu nome … rsrs

Amo essas placas *-*

Em Feira de Santana, o
trânsito estava muito ruim, tudo parado, e tudo por conta de um
pedágio mal planejado, um dos piores que já ví !!! Pista ruim,
pouca sinalização, varias partes sem acostamento, um trânsito
enorme de caminhões e pedágio, que absurdo!! Felizmente de moto não
demoramos tanto assim para passar por esse trecho.
Depois do cruzamento
saindo da BR 116, já começou a anoitecer … e pro nosso azar,
ainda tinha um bom caminho a percorrer. O asfalto não estava em boas
condições, muitos buracos, e a noite ainda… dava pra ver pouca
coisa. O mais absurdo eram caminhões ultrapassando mesmo tendo as
duas motos na faixa. Algumas vezes tivemos que ir pro acostamento
porque os motoristas simplesmente não voltavam pras suas faixas.
Felizmente chegamos bem em Itaberaba e achamos uma boa pousada na estrada,
muito tenso =/
No dia rodamos mais de
760 km, quantidade boa em vista das condições das pistas.

E vamo que vamo o/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>